Quando indicar congelamento de sêmen para o seu paciente?


Existem diversas razões para recomendar o congelamento de sêmen ao seu paciente.


Publicado em: junho/2021


Existem diversas razões para recomendar o congelamento de sêmen ao seu paciente. De uma forma geral, o processo de criopreservação e armazenamento de sêmen é indicado para homens que farão algum tratamento ou cirurgia, se submeterão a situações de risco, e outros fatores que possam comprometer a fertilidade masculina.  Inclusive, o congelamento também é altamente recomendado para jovens, para preservar a capacidade fértil em seu ápice, devido a queda natural da fertilidade com a idade.

Indicar o congelamento de sêmen ao seu paciente antes do tratamento é um ato de responsabilidade, que deve ser feito ao analisar os riscos de cada tratamento e situação. É dever do profissional da saúde orientar seu paciente quanto a preservação de sua fertilidade e indicar alternativas e possíveis soluções para driblar a infertilidade no futuro.

Ao orientar o seu paciente sobre os riscos de infertilidade e se preocupar com a saúde fertil dele, você ainda transmite confiança e segurança ao seu paciente, que está passando por um momento conturbado de difíceis decisões.

É de extrema importância lembrar que o congelamento de sêmen deve ser feito e indicado pré-tratamento, visto que é uma medida de prevenção.

 

Em quais casos indicar o congelamento de sêmen?

 

  • Pré-quimioterapia
    Estudos indicam que após a quimioterapia, homens podem ficar azoospérmicos, isto é, com ausência de espermatozoides no sêmen, e apenas alguns recuperam a fertilidade após 02 ou 03 anos.

    Mesmo em casos em que o homem consegue novamente ser fértil, a qualidade do seu sêmen pode não ser suficiente para engravidar sua companheira. Nesse cenário, o casal deverá recorrer a um banco de sêmen para escolher uma amostra a fim de realizar tratamentos de reprodução assistida. A área da oncofertilidade tem diversos insights que podem ajudar na preservação da fertilidade de pacientes com câncer.

 

  • Pré-radioterapia
    Após o tratamento, alguns homens podem apresentar o quadro de azoospermia, por cerca de 02 a 05 anos.

 

  • Pré-cirurgia de testículos e próstata
    Como intervenções cirúrgicas representam algum risco, a criopreservação  deve ser indicada nesses casos por prevenção também. O congelamento deve ser realizado antes da cirurgia.

 

  • Pré-vasectomia
    Apesar de ser reversível, existe a possibilidade de infertilidade após a reversão do procedimento. Além disso, há casos em que o paciente deseja manter a vasectomia, mas gostaria de ter sua fertilidade preservada para planos futuros. 

 

  • Tratamento contra infecções virais
    Infecções virais relacionadas ao sistema reprodutor masculino podem resultar em infertilidade. Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) como gonorreia e clamídia, além de doenças como caxumba, podem impactar diretamente na produção de espermatozoides.

 

  • Baixa concentração de espermatozoides
    Detectada por meio do exame chamado espermograma, a baixa concentração de espermatozoides pode se intensificar com o decorrer do tempo, diminuindo ainda mais as chances de gravidez com o uso do sêmen desse paciente. Nesse caso, quanto antes o paciente criopreservar seu sêmen, melhor. 

 

  • Casos de varicocele
    Em média, cerca de 40% dos casos de infertilidade masculina são causados pela varicocele, uma doença que provoca a dilatação das veias, ocasionando na drenagem do sangue dos testículos. Ela ocorre devido a uma disfunção no sistema circulatório, que tem como resultado o aumento de temperatura dos testículos, causando a diminuição do saco escrotal, comprometendo assim, a qualidade do sêmen do paciente.

 

  • Profissão de risco, mergulhadores e atletas de alta performance
    Exposição a toxinas, radiação ionizante, agrotóxicos, metais pesados, mudanças drásticas na pressão atmosférica, alterações de temperatura e calor excessivo por um longo período de tempo, podem comprometer a qualidade seminal. Além disso, estresse e ocupações que exigem muito esforço físico ou impacto também aumentam o risco de infertilidade no futuro.

 

Além dessas, existem muitas outras razões para a indicação de criopreservação de sêmen como: disfunção erétil, doenças degenerativas, ausência prolongada do parceiro, antes do tratamento de fertilização assistida e também, para homens jovens com o intuito de preservar a capacidade fértil em seu ápice.

 

Somos pioneiros na preservação da fertilidade masculina!

 

O Pro-Seed é o maior e mais completo Banco de Sêmen do Brasil. Atuamos há mais de 30 anos na preservação da fertilidade masculina, ajudando na realização do sonho de pessoas que buscam formar uma família. 

Oferecemos a melhor experiência aos nossos pacientes, contando com uma equipe especializada e salas de coleta isoladas equipadas com TV, vídeos, revistas, sofá e banheiro privativo. Tudo isso para a privacidade, conforto e segurança do seu paciente!

Conte com o Pro-Seed para ajudar a preservar a fertilidade masculina!

O futuro do seu paciente pode ser muito fértil e só depende de você!

Conheça o serviço de congelamento de sêmen do Pro-Seed e encaminhe seu paciente!


Marcadores: